Pular para o conteúdo principal

Natal... Um Feliz Natal....

Natal.... Durante anos há anos atrás, era realmente um Feliz Natal.... com o passar do tempo as pessoas se tornaram mais frias até nessa data comemorativa que costumava reunir família e amigos, todos juntos em um único lugar, todos se divertindo e felizes... Agora... não passa de uma simples data, onde cada um está em seu canto, comendo e fingindo comemorarem algo ou fingindo se divertirem, mesmo estando visivelmente claro que não....Anos atrás víamos as ruas enfeitadas, cheias de luzes, todos comemorando, felizes sem preocupações... Agora... Todos se preocupam com tudo, alguns com as vidas dos outros, outros com si mesmos, outros com ninguém... As comemorações se tornam cada ano mais negras, simplesmente se apagando dos corações das pessoas... Não existe mais aquele sentimento alegre mutuo e carinhoso, não existe mais aquele puro calor humano que aconchegava uns aos outros em simples e pura harmonia e bel-prazer....Não consigo aceitar o rumo que a sociedade está tomando, o clima sombrio que envolve todos, todos os dias, se tornando cada vez mais denso, o amor ao próximo se esvaindo e todos olhando apenas para o próprio umbigo, tornando difícil confiar até nas pessoas mais próximas, trazendo insegurança a cada decisão que tomamos sem saber se ela será a decisão certa....Não me faço de santo nessa história, não sou hipócrita ao ponto disso, sei dos meus "pecados" parte dessa névoa densa e negra me cobre tanto quanto outras pessoas,  eu convivo a cada dia com minhas decisões boas ou ruins, "sinto o peso do mundo nas costas" pelas escolhas já feitas, pelas palavras um dia ditas e ouvidas, não confio totalmente nas pessoas em minha volta, simplesmente não consigo, mais possuo minha honra pessoal de sempre tentar fazer o melhor para aqueles que estão comigo ao meu lado, apesar de poucos realmente valerem meu esforço, queria que o mundo vivesse em paz e harmonia, mais não vivemos em um conto de fada, nosso egoismo não nos permite tal coisa.... Porém do pouco amor que existia há poucos anos atrás esta cada vez mais se esvaindo de nossos corações, já vivemos em uma época de aparências e falsas ideologias, poucas pessoas e casais se amam realmente tornando também o amor um "mito ou uma lenda", poucas pessoas querem tornar uma possível paixão em um verdadeiro amor, muitos acham que tal coisa vem de "mão beijada", que eles só tem que sentar e esperar que vai aparecer, como em um truque de mágicas, desistindo no primeiro sinal de "turbulência" largando seu/sua companheiro(a) para trás, desencadeando toda uma cadeia de variáveis, desde a descrença em felicidade ou amor a generalização de egos mesquinhos e arrogantes... Verdadeiras amizades se desfazendo ou se distanciando por coisas precárias como desculpas.... Vivemos em um mundo em decadência, onde só sobrevive aqueles que possuem dinheiro ou que se misturem a uma sociedade de aparências e arrogâncias, sem se preocupar com palavras ditas ou atitudes tomadas que possam prejudicar terceiros.... Simplesmente é decepcionante ver o que um dia foi belo se tornar tão deplorável...

Novamente digo, não sei se algo do que escrevi possa fazer algum sentido para você leitor, talvez sejam apenas pensamentos bagunçados de um "paranoico" como eu, ou um desabafo pessoal da minha visão de como o mundo está se tornando pior a cada dia.... Espero que algo do que tenho escrito em meus últimos post possam tocar vocês, simpatizar com o pensamento de algum de vocês. Por mais rude que possa ser em minhas palavras as vezes, sempre desejo o bem a todos vocês, com palavras escritas me expresso melhor do que realmente gostaria fisicamente, pessoalmente,

Um Feliz Natal, que tudo se torne luz um dia novamente. Que venha uma nova era e nos tire desses tempos difíceis.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vale a pena tentar ser melhor? Viver x Existir

Sabe... Eu havia começado esse ano com o objetivo de tentar ser uma pessoa melhor para todos e para mim mesmo... Mais a cada dia que se passa, eu duvido que valha a pena ser uma pessoa melhor... Por algum motivo, parece que as pessoas entendem que ser melhor é se tornar bobo e ingênuo. Eu sou uma pessoa de poucas amizades e poucos amores. Amo poucas mulheres, amo a minha namorada que está comigo, as únicas outras mulheres que amo e admiro da mesma forma são minha mãe e minha avó, nenhuma além dessas mulheres, as demais eu apenas respeito, como já me disseram várias vezes, eu sou bem insensível com as pessoas, não faço por mal, é apenas um reflexo de auto-defesa eu acho... Um reflexo do tanto que as pessoas já me decepcionaram durante todos esses anos, cada dia mais, das coisas cruéis que já ouvi e ouço, das que já sobrevivi e ainda sobrevivo.... É tanta coisa que hoje eu já não vivo, não sinto, apenas existo. Existo em um mundo que caminho sobre meus rancores, palavras não ditas e ati…

....

Não me agrada disputar atenção. Eu sempre vou ser a pessoa que perde, entende? A pessoa deixada, substituída, desinteressante. Não, isso não é complexo, não: é estatística. Tenho vida afora muitas provas disso e não reclamo, não interprete isso como uma reclamação. Apenas quero contar que jogo a toalha antes de entrar no ringue, por assim dizer. Jogo o meu corpo para o lado por conta própria antes de levar o soco e precisar de maca, remédios e recuperação. Já nem entro mais nas disputas; eu perdi o ar de tanto tentar.

  — Camila Costa.


Fonte:Sei la, Vi no tumblr